Perigosas Pistas de Pouso

Mostrar / Esconder thumbs

Os mais assustadores aeroportos do mundo

Para os aerodromofóbicos o simples fato de levantar vôo já é terrivelmente assustador. Agora, decolar ou aterrissar em uma pista curta com queda para um desfiladeiro, ou em uma pista de gelo em meio a icebergues, ou quem sabe na areia da praia e até mesmo em uma pista que cruze com a avenida principal da cidade, cheia de carros, amedronta qualquer pessoa. Conheça com o Lugares no Mundo as pistas de pouso mais perigosas do mundo.

MATEKANE AIR STRIP – LESOTHO, ÁFRICA

Conhecido como a mais assustadora pista do mundo o Matekane Airstrip, na África, tem uma pista com 400 metros de comprimento e termina em um precipício 2000 pés. Por vezes, os aviões não atingem a velocidade suficiente, e chegam a dar impressão que vão cair no penhasco, mas (com sorte) conseguem levantar vôo logo depois. O aeroporto é mais utilizado por instituições de caridade e médicos para acesso às aldeias remotas do Lesotho.

NARSARSUAQ AIRPORT – NARSARSUAQ, GROENLÂNDIA

Localizado no sul da Groenlândia, o Aeroporto Narsarsuaq é o único aeroporto internacional da região. Limitada com o oceano Glacial Ártico e com o Oceano Atlântico, a região é recoberta na maior parte do tempo por uma camada de gelo que percorre 84% de sua extensão. No inverno as camadas congeladas fazem o avião pousar entre icebergs enormes, ou quando o gelo derrete, a quantidade de água que cerca a pista é assustadora. A visão é nebulosa, o ar ao redor da pista de pouso é extremamente gelado e cheio de bolhas, que fazem os aviões falharem – às vezes. Todos os vôos são programados durante o dia, e mesmo assim com o máximo de atenção. Um deslize e um abraço em um iceberg, ou um mergulho nas águas geladas. 

COURCHEVEL AIRPORT – COURCHEVEL, FRANÇA

Localizado na França, em uma área própria para a prática de esqui, o aeroporto de Courchevel nada mais é que um pedaço dos Alpes Franceses, transformado em pista de pouso. Com apenas 525 metros de comprimento e um desfiladeiro ao final de 1.722 pés, congelados, ele mais parece um tapete de gelo, com muito vento e condições climáticas que impossibilitam qualquer pouso suave. Devido às suas curvas sinuosas, e o tamanho da pista, os pilotos, apenas os especialmente certificados pela Pierce Brosnan, geralmente decolam e pousam em declínio para ganhar velocidade e evitar acidentes.

PRINCESS JULIANA AIRPORT – SAINT MARTIN

Incrivelmente assustador, para quem está do lado de fora. O aeroporto Princess Juliana, na ilha de Saint Martin é praticamente ao lado da praia. Um destino turístico muito cobiçado e naturalmente cheio de freqüentadores. Agora imagine você deitado, tomando sol, e um avião aterrissar praticamente em cima de sua cabeça. Emoções fortes a todo instante.

BARRA AIRPORT – TRAIGH MHOR, ESCÓCIA

Localizado na praia de Traigh Mhor, Escócia, o Barra Airport é magnífico e assustador ao mesmo tempo. Pasmem, ele é o único aeroporto do mundo a utilizar a praia como pista de pouso e decolagem. São três pistas marcadas por estacas de madeiras em suas extremidades. Os vôos são programados de acordo com o clima e a maré, isso porque nas marés altas as pistas ficam completamente submersas. Se chegar a salvo, desfrute a bela paisagem.

JUANCHO E. YRAUSQUIN AIRPORT – ILHA DE SABA, CARIBE

Localizado na ilha caribenha de Saba, nas Antilhas Neerlandesas, o Juancho E. Yrausquin Airport tem a menor pista do mundo, com apenas 400 metros, que se limita de ponta a ponta com o mar e seus desfiladeiros. Sem dúvida um dos mais perigosos do mundo, tanto que só aceitam aterrissagem de aeronaves que transportam no máximo 20 pessoas.

GILBRATAR AIRPORT – PENÍNSULA IBÉRICA

Localizado no extremo sul da Península Ibérica, o aeroporto de Gilbratar fica a cerca de 500 metros do centro da cidade, e pasmem, se confunde com o trânsito dos carros. Isso porque ele cruza a avenida Winston Churchil, uma importante via de ligação ao centro da cidade. Isso mesmo, a avenida e a pista de pouso se cruzam. Cada vez que um avião vai decolar ou aterrissar o farol para os carros fica vermelho, por 10 minutos ou 2 horas. Imaginem o trânsito. O que praticamente distingue a pista de pouso das avenidas é que ela é um pouco mais larga e se alonga em cima do mar, literalmente, no nível do mar.

MADEIRA AIRPORT – ILHA DA MADEIRA, EUROPA

Localizado no município de Santa Cruz, na Ilha da Madeira, o Madeira Airport (também conhecido como Santa Catarina, ou Funchal) tem uma pista original de 1600 metros de extensão, que se limita por água de um lado e montanhas de outro. Em 2.000 ele foi ampliado em 200 metros, devido ao grande fluxo de turistas na ilha, com uma ponte com 180 pilares de sustentação sobre o Atlântico, o que o deixou mais dramático e assustador, para os tripulantes e para os pilotos.

LUKLA AIRPORT – LUKLA, NEPAL

Também conhecido como Tenzing-Hillary Airport , no Nepal, o Lukla Airport é pequeno e só permite aviões particulares. Com uma única pista de 460 m de comprimento, 20 m de largura e altitude de 9.100 pés, é o local onde a maioria das pessoas iniciam sua escalada até o monte Everest. Uma aterrissagem de mais ou menos 10 minutos por um vale de encostas íngremes seguida por uma curva afiada. Ou uma decolagem direto ao desfiladeiro, como podem ver na foto.  

QAMDO BANGDA AIRPORT - BANGDA, TIBET

Localizado em Bangda, Tibet, o Qamdo Bangda Airport tem a maior pista de pouso do mundo, 5.500 metros de comprimento a uma altitude de 14.219 pés, entre as montanhas do Tibet, um dos mais altos do mundo também. O motivo do comprimento da pista é a baixa densidade do ar, que dificulta que o avião chegue à velocidade necessária para o voo, e que faz com que, na maioria das vezes, os tripulantes sintam tonturas e vertigens ao aterrissar, ou decolar.

Gostou? Deixe seu comentário!

Crédito das fotos: Divulgação

 

Créditos: Perigosas Pistas de Pouso

Última atualização em 19/12/2012 as 09h59

Guilherme Guinski

esportes, praia, noite

Avaliações

Dê a sua opinião.

11 votos

Galerias.

Confira esta seleção de matérias e destinos com imagens incríveis.

Ver todos