Mundial de Beach Soccer

Mostrar / Esconder thumbs

Ravenna 2011, de 1 a 11 de setembro

Um esporte totalmente brasileiro, que foi abraçado pelo mundo, pela sua arte, beleza e competitividade. O Lugares no Mundo conta tudo sobre o Mundial de Beach Soccer 2011 e sobre Ravenna, a cidade do norte da Itália, que sediará a competição... Embarque!

HISTÓRIA

Praticado desde muito tempo nas areias das praias brasileiras, o futebol de areia sempre foi encarado como um divertido lazer.  Apenas em 1992, que a “brincadeira” se tornou esporte, as regras foram sendo consolidadas aos poucos e a popular “pelada na praia” foi tomando formato e se transformando em Beach Soccer. Tudo começou com pequenos torneios em Los Angeles e Miami, com a participação de apenas quatro seleções, Estados Unidos, Itália, Brasil e Argentina.

O primeiro evento de Beach Soccer a ser televisionado ocorreu apenas em 1994, em Copacabana. No ano seguinte veio o primeiro Campeonato Mundial de Beach Soccer, também no Rio de Janeiro, vencido pelo Brasil. Até 2004 foram realizados mais nove campeonatos mundiais, oito vencidos pelo Brasil e um por Portugal em 2001. A partir de 2005, o esporte foi reconhecido pela FIFA, entidade máxima do futebol, que começou a organizar o Mundial. Na sua primeira edição organizada pela FIFA, a França sagrou-se campeão do mundo em Copacabana, após derrotar o Brasil nas semifinais e Portugal na grande final. Nos anos seguintes, os brasileiros voltaram a dominar o cenário mundial, vencendo todos os outros mundiais em 2007, 2008 e 2009.

MUNDIAL 2011

Esse ano o Mundial que acontecerá em Ravenna terá a participação de 16 países, com representantes de todos os continentes divididos em quatro grupos. Os dois primeiros de cada grupo se classificam para a fase seguinte, onde é vencer e prosseguir, ou perder e fazer as malas de volta para a casa.

Grupo A: Itália, Irã, Senegal e Suíça.

Grupo B: Argentina, El Salvador, Omã e Portugal.

Grupo C: Nigéria, Rússia, Taiti e Venezuela.

Grupo D: Brasil, Japão, México e Ucrânia.

Curiosidade: Existe uma forte pressão da FIFA, sobre o COI (Comitê Olímpico Internacional), para que o Beach Soccer e o Futsal sejam reconhecidos como esportes olímpicos, assim como o Futebol, e se tornem presentes no calendário das Olimpíadas de 2016 no Rio de Janeiro.

RAVENNA

Cidade localizada no norte da Itália, terceira capital do Império Romano, rica em história e beleza, detentora de belas obras de arte e de lindas superfícies decoradas, que carregam consigo histórias dos séculos V e VI e que foram declaradas como Patrimônio da Humanidade! Ravenna, além de belas histórias e obras de arte, também possui belas praias, cenário ideal para um dos maiores eventos esportivos de praia do mundo.

Além de acompanhar de perto o Mundial de Beach Soccer da FIFA, quem for a Ravenna, poderá se deliciar com museus, centros históricos e restaurantes incríveis.  Acorde logo cedo e vá ao MAR (Museo d’Arte Della cittá di Ravenna), lá pode-se apreciar inúmeras e prestigiadas exposições, sem falar na famosa estátua do soldado Guidarello Guidarelli. Bateu aquela fome antes da partida? Não se preocupe, afinal estamos na Itália, um dos berços da gastronomia mundial, uma boa opção em Ravenna é o Ristorante La Gardella, que serve o melhor da culinária a Romagnola. Após uma manhã de maravilhosas obras de arte, um almoço fantástico e uma tarde com o melhor do Beach Soccer mundial, descanse em um dos ótimos hotéis da cidade, como o charmoso M Club De Luxe B&B ou o luxuoso Residence La Reunion, e renove-se para um novo dia de competições!

A sorte esta lançada! Será o 13° título mundial do Brasil, 5° depois do reconhecimento da FIFA, ou pintará alguma “zebra”? Descubra...

Gostou da matéria? Curta também nossas páginas no Facebook e no Twitter!

Crédito das imagens: Divulgação.


Créditos: Divulgação

Última atualização em 13/10/2012 as 20h44

Lugares no

esportes, praia, noite

Avaliações

Dê a sua opinião.

0 votos

Galerias.

Confira esta seleção de matérias e destinos com imagens incríveis.

Ver todos