Ibiza Anos 70

Mostrar / Esconder thumbs

O início das festas Pacha

Se hoje o grupo Pacha é referência quando o assunto são casas noturnas, não é à toa, porque desde a sua estréia em 1973 em Ibiza - apesar de inicialmente tudo ter começado em 67 em Sitges - ele mostrou que seria revolucionário..
 
BALADA OLD SCHOOL
 
Divida Ibiza em um período antes e depois de Pacha, porque isso é possível. Independente de seus atributos naturais, o que já justifica o simples fato de Ibiza existir, e desde cedo atrair a turma dos descolados internacionais. Músicos, atores e atrizes, hippies e descolados, modelos e toda a jet set possível. Ah, mas naquela época não havia mulheres com micro tops e micro saias rodando de ponta cabeça depois de beber tequila, garotos de 16 anos com Ferraris pelas ruas, modelos com IMCs preocupantes, iates explodindo de gente, mas era simplesmente diferente. A diversão era por conta das novas experiências, da sociedade, do topless, da revolução, da diferença de tudo o que era mundo na época. As “baladas”, que nem sonhavam em ganhar esse nome, ainda estavam engatinhando, mas o conceito de se divertir sem regras, ja estava explicito. Já havia alguns points para ver e ser visto, mas com a inauguração de um grande clube, tudo mudou, e Ibiza jamais seria a mesma novamente.
 
Para comparar, nessa época no Brasil o entretenimento era outro...cerveja só em garrafa até 71, uísque e caipirinha eram relativamente comuns, assim como os champanhes vagabundos...a vodka só chegou lá pra 80 e energético estava longe de se popularizar.  O rock estava em uma fase muito prolífera de produção e se por um lado existiam os hippies ou bichos grilo, e por outro a música disco estourava no mundo pop. Um copy/ paste do modelo americano, pelo menos para a grande maioria. Quando o modelo do Studio 54 virou moda, aqui passou a existir um igual. Todos se entregavam ao balanço da música disco.
 
Mas voltando a Ibiza... Em 75, já dava para sacar que era um lugar que seria adorado pelos bon vivants mais endinheirados. Homens barbudos acompanhados de belas loiras com o penteado idêntico da Farrah Fawcett que faziam topless na praia, descansavam tranquilamente à beira do mar. Grupinhos conversando tranquilamente, diferente da enorme rave de jovens que é hoje na alta temporada.  Os biquínis tipicamente americanos eram horríveis, como ainda são hoje em dia, ninguém passava protetor solar e fumar era permitido em todo e qualquer lugar, dentro de shoppings, elevadores, restaurantes, banheiros públicos...
 
A noite a hora mais esperada... Pessoas misturando o visual hippie ao chic. Vestidos, saias curtas com mangas longas, lenços, brincos grandes, maquiagem carregada, homens com calça boca de sino e plataformas masculinas. Enfim, eis o que seria o melhor da noite em Ibiza. O som se confundia com o globo luminoso e as luzes coloridas que estavam presentes em todas as partes do enorme salão, que não tinha nem metade do espaço que tem hoje. Cores, cores e cores.... Homens com seus copos de uísque no bar e as mulheres com clássicos drinks como piña colada. Bebida, bebida, bebida! Todos fumavam, todos sem exceção. Sorrisos por todo lado e pessoas que preenchiam a pista, bastante espaçada e fácil de se locomover, para realizar as coreografias da época, um tanto quanto cômicas para os dias de hoje... Nem preciso falar do resto...
 
GOSTOU? DEIXE UM COMENTÁRIO E CURTA A PÁGINA DO Lugares no Mundo NO FACEBOOK PARA FICAR POR DENTRO DO QUE HÁ DE MELHOR NO MUNDO DO TURISMO.
 
CRÉDITO DAS FOTOS: DIVULGAÇÃO

 

Créditos: Ibiza Anos 70

Última atualização em 13/10/2012 as 20h44

Juliana Calaf

esportes, praia, noite

Avaliações

Dê a sua opinião.

7 votos

Galerias.

Confira esta seleção de matérias e destinos com imagens incríveis.

Ver todos