Guadalajara, a Pérola do Ocidente

Mostrar / Esconder thumbs

Do Mariachi à Birria

Pérola do Ocidente”! Uma mistura de história e tradição com modernidade e movimento cultural. Do Mariachi, da Tequila, das Piñatas, da Birria...Uma das maiores cidades do mundo, com muita irreverência e hospitalidade. Conheça Guadalajara por Lugares no Mundo.

Segunda maior cidade do México, capital do estado de Jalisco, Guadalajara possui mais de um milhão e meio de habitantes e é uma das maiores cidades do mundo. Seu clima é quente e úmido, com um período chuvoso que vai de maio a outubro. No entanto, durante o inverno, é possível que ocorram nevascas esparsas e que a temperatura fique abaixo de zero.

A partir de 14 de outubro de 2011, todos os olhos do esporte estarão voltados para a cidade, pois ela foi escolhida para sediar a 16ª edição dos jogos Pan-Americanos, a qual deve contar com um número recorde de atletas. O local já é histórico para os brasileiros, pois foi no Estádio Jalisco que a seleção brasileira de futebol conquistou o tri, goleando os italianos de 4x1.

A cidade tem cerca de 22 museus, diversos centros de culinária e é reconhecida pelo turismo histórico. É hoje um dos principais centros universitários do México. No coração da cidade está o Centro Histórico, com seus edifícios conservados na época colonial, que dão espaços para todos os tipos de eventos. Em 2005, a cidade chegou a ganhar o título de Capital Americana da Cultura tamanha sua diversidade e riqueza cultural. Um dos símbolos mais marcantes e representativos é a Catedral de Guadalajara ou Catedral Basílica da Assunção de Maria. Sua estrutura neo-gótica ocupa uma área de 77,8 x 72,75 metros. Hoje ela se apresenta completamente abalada, devido à vários terremotos pelos quais a cidade passou, mais ainda é um dos principais pontos turísticos.

Seus diversos parques de diversão, rodeios, e festas comemorativas e temáticas o ano inteiro, faz da capital uma ótima opção para quem quer passar as férias em família. Tem sempre algo para se fazer.

O Mercado Central é outro roteiro importante na cidade, não tem como conhecer Guadalajara sem passar por lá. Pelos quase 17 km de corredores há comidas exóticas - como bochechas de porco, coloridos temperos e variados sabores, além de roupas, sapatos, acessórios... É um mundo de compras e variedades em 2.600 lojas. 

Guadalajara sempre encanta qualquer turista!

GASTRONOMIA PARA TODOS OS GOSTOS

Cosmopolita, Guadalajara pode ser apreciada também em relação a sua variada culinária. A cidade tem dois institutos de culinária, e embora seja uma cidade moderna ela manteve a tradição rural de Jalisco, o que interfere na gastronomia da região, se tornando uma mistura de influências pré-hispânicas e espanhola com mexicana. Esse é o motivo pelo qual os pratos de lá têm seu próprio sabor, sem comparação à nenhuma cultura. Um dos pratos principais é o Birria, carne de bode ou carneiro assado com molho picante, temperada com pimenta, gengibre, cominho, pimenta do reino, orégano e cravo.

O Mercado Central é palco de diversas iguarias da culinária local, como o Pozole, uma sopa feita de carne de porco, couve, rabanete, cebola e cilantro. Além da Bochecha de Porco, que nós do Lugares no Mundo ainda não tivemos o prazer de provar, mas dizem ser sensacional.

Resturantes:

- La Chata Restaurant: Restaurante tradicional, com comida típica, ao som do Mariachi, em um ambiente amplo e confortável.

- Karne Garibaldi: Ideal para um almoço ou jantar com típicos pratos mexicanos, com um atendimento simples porém extremamente rápido. Tudo isso com mais de 40 anos de tradição.

Anita Li: Um restaurante muito procurado em Guadalajara. Decoração em estilo mexicano, somado à sua culinária tradicional (como os tacos) e às bebidas diferentes como martini com grãos de café e vodka com  hortelã, dão ao lugar um charme especial.

- Corazon de Alcachofra: Sim, alcachofra é um igrediente muito utilizado na casa. Fino e elegante, o restaurante tem um perfil aconchegante e um bom atendimento. Pratos mais tradicionais do restaurante: Pargo, bacalhau, peito de pato e lombo de veado. Além disso tem uma das melhores listas de vinho da cidade.

. A ..- La Moresca: A facilidade de estacionar no Shopping Andares é uma grande vantagem. A especialidade da casa são as massas e uma ótima sugestão é a Fradiavolo Pasta. Um ambiente muito confortável com opções para sentar na área externa e interna. As pessoas que freqüentam são muito bonitas. Indicado para ir a dois.

- El Almacen: Também conhecido como El Almacen del Bife, o restaurante é referência na culinária Italo-argentina, combinação estranha de se ler mas que fica muito bem no prato, massas acompanhadas de generosa carne combinam e muito. O som fica por conta do jazz às terças -feiras e da música acústica às quintas, tocando as clássicas do violão. Melhores cortes de carne com a melhor culinária do velho continente.

- La Estancia Gaucha: Outro pedaço da Argentina no México. Não precisamos dizer que as parillas da casa são imperdíveis, acompanhadas de um vinho da extensa carta do restaurante. O ambiente é bem fiel ao de uma hacienda, como as encontradas no sul do nosso país e nas terras do vizinho que não é tão bom em futebol quanto a gente.

- El Santo Coyote: Um restaurante caro e mais caro ainda considerando a comida que é boa mas nada acima da média. O que salva é o ambiente  legal e bem mexicano com velas, cascata e mariachis.

- El Abajeño ( em Tlaquepaque): Muito próximo a Guadalajara por isso é válido incluí-lo na lista. Esse restaurante de Tlaquepaque é um dos melhores que servem comida tradicional mexicana. Por sempre estar muito cheio, às vezes o serviço pode ser demorado.

Já para quem gosta de ambientes descontraídos, a dica é conhecer os cafés da cidade:

- Café Cuatro:  Uma simples cafeteria que se transformou num agradável restaurante, ideal para ir com amigos e também com a família.

- Santa Clara: O mais recomendado se a preferência é por saborear doces e guloseimas, já que é possível saborear desde um bom café expresso até mesmo sorvetes e bolos diversos.

- Bistrô Garden: Um ambiente mais descolado e de rica arquitetura. Oferece desde sanduíches suculentos até pratos artesanais e mais saudáveis.

EMBARQUE NA HISTÓRIA DA TEQUILA

A capital é o berço da Tequila. Lá você pode encontrar mais de 200 variedades da bebida, desde as mais simples até as garrafas com os ingredientes mais exóticos, para os mais exigentes paladares.

Uma amostra de como é possível preservar a cultura de uma cidade e, ao mesmo tempo, valorizar os principais produtos da região é o Tequila Express. Um agradável passeio de trem pela cidade de Guadalajara que conta com uma visita à fazenda San José del Refugio, onde é contada a história do lugar e tudo sobre o processo de produção da bebida predileta dos mexicanos. Realizado somente aos sábados e domingos, os turistas contam com o apoio de coordenadores e garçons dentro dos vagões, além de poderem usufruir de um show com mariachis cantando e dançando animadas músicas tradicionais do país.

NOITE AGITADA

A capital possui uma infinidade de opções para a vida noturna, com seus diversos bares, baladas e restaurantes. Garantimos que pessoas interessantes não vão faltar e a relativa proximidade das línguas facilita bastante na hora da conversa. É um país de mulheres muito bonitas, lembrando o fato da última Miss Universo, ter nascido nessa cidade.

Começando por sua raíz musical, Guadalajara é o berço da Mariachi, um estilo musical que surgiu possivelmente em uma vila agrícola com o nome de Cocula e foi crescendo entre os lavradores e nativos da época. A música é uma junção entre a harpa, o violino e a guitarra, em uma mistura rítmica de Europa, América e África. Muitos restaurantes e bares na cidade fazem suas noites ao som do Mariachi.

Agora se o Mariachi não lhe é atraente, existem também clubes de jazz, piano bar e danceterias localizadas por toda a cidade. O Van Go Club por exemplo tem uma decoração lúdica, focando justamente no misto entre o moderno e os traços da história. Com três ambientes diferentes, a casa envolve todos os públicos.

Já com uma uma decoração minimalista e diferentes tipos de música eletrônica encontramos o Club Play, em um misto de elementos contemporâneos. As quartas-feiras são dedicadas inteiramente à eletrônica música Chill-out, Drum n 'Bass, House, Trance e todos os gêneros musicais semelhantes. Seqüências Beats desse tipo são muito marcantes às sextas-feiras e sábados e a atmosfera é disco com música eletrônica e alguns remakes de pop que marcaram os anos oitenta.

Uma outra opção para quem curte uma boa balada é o Golden Club. A casa oferece requinte, luxo e o melhor da culinária mexicana. A carta de vinhos é variada e atende a muitos tipos de paladar. A casa conta ainda com bar, área VIP, internet e serviço de limusine personalizado.

Para um drinque no final da tarde ou pré-balada, uma ótima pedida é o Vincent, um dos bares mais estilosos da cidade. O sistema de som totalmente surround, preenche o ambiente e define a vibe pré-festa. Se quiser comer, a especialidade da casa são os frutos do mar. Os tacos de lagosta são um luxo!

Com um público mais jovem, a Bosse é uma das baladas mais procuradas.  Os DJs que se intercalam na noite fazem a pista ferver até de manhã.

Para quem curte apostar e se divertir com vários tipos de jogos, a dica é conhecer o E-Motion, amplo, espaçoso e considerado o melhor cassino da cidade.

 

PLUS: JOGOS PAN-AMERICANOS 2011

A cidade foi escolhida para sediar os jogos em 2006. Além dos 26 jogos da grade dos jogos Olímpicos (que podem aumentar caso seja inserida alguma modalidade a mais nas Olimpíadas), o Pan terá mais três competições na disputa: o rugby, o raquetebol, e a pelota basca.

Os locais definidos para as competções são: Estádio Jalisco; Estádio Tres de Marzo, Estádio Chivas; Oficinas del COPAG 2011; Complejo Panamericano de Voleibol; Complejo de Gimnasias Artpisticas y Ritmica; Velódromo; Foro de Halterofina e Stand de Tiro.

Gostou? Deixe seu comentário!    do Além dos 26 jogos s 26 esportes disputados nos Jogos Olímpicos, foram incluídos no programa de 2011 o rugby, o raquetebol e a pelota basca.[1][2] Além dos 26 esportes disputados nos Jogos Olímpicos, foram incluídos no programa de 2011 o rugby, o raquetebol e a pelota basca.[1][2]Além dos 26 esportes disputados nos Jogos Olímpicos, foram incluídos no programa de 2011 o rugby, o raquetebol e a pelota basca.[1][2]Além dos 26 esportes disputados nos Jogos Olímpicos, foram incluídos no programa de 2011 o rugby, o raquetebol e a pelota basca.[1][2]Além dos 26 esportes disputados nos Jogos Olímpicos, foram incluídos no programa de 2011 o rugby, o raquetebol e a pelota basca.[1][2]  hhhfffP

Créditos das fotos: Divulgação.


Créditos: Guadalajara, a Pérola do Ocidente

Última atualização em 13/10/2012 as 20h44

Lugares no

esportes, praia, noite

Avaliações

Dê a sua opinião.

0 votos

Galerias.

Confira esta seleção de matérias e destinos com imagens incríveis.

Ver todos