Especial Reveillon 2011 - Florianópolis

Floripa 2011

 Florianópolis em poucos anos se transformou em um ultra destino de verão, na semana do ano novo, o dia e a noite se transformam quase em um exercício de sobrevivência.

São infinitas opções para todos os bolsos, gostos, estilos. Das mais badaladas praias e clubs do Brasil, dos points argentinos, da mulherada exuberante, passando pela cena surf, que veem se esmaicendo até alguns lugares que devem ser totalmente evitados no período em vista de não se confrontar com o caos. 

Sem milongas preparamos um guia rápido com uma pitada de tudo que se pode e deve aproveitar na Ilha. As melhores opções, picos, atrações, festas em 1 só lugar. 
 
A intensidade da Ilha revelada em 100 horas. Segue o nosso guia definitivo do reveillon 2011 na ilha da magia. 
 
A cidade Ilha de Florianópolis prima pelas lindas praias, o centrinho urbano e é famosa pelas longas distâncias. Neste rally hedonista, temos pressa, são um pouco mais de 4 dias para se curtir o máximo o local. Talvez você precise de mais de 1 semana para se recuperar depois. Mas aqui, o nosso taximetro está ligado, queremos esbaldar, em alguns momentos você vai considerar entre descansar, dormir ou se jogar.
 
A idéia aqui é sermos praticos e cobrirmos um pouco de cada cena e atmosfera, a certeza aqui é que vamos precisar de um carro. Se for de carro, ok, se não for, alugue 1, e com antecedência. A intenção deste guia não é familiar, estamos aqui em busca de capturar o frisson de Floripa no que ela vem cada vez mais se consagrando, como um destino de farra digno de uma Ibiza ou Marbella, mas supresas podem aparecer. 
 
Dia 1
 
Estamos em nosso carro, saidos do aeroporto, a caminho do Hotel. Na temporada, a sugestão é que a base fique em Jurerê Internacional, dali, ao dia,  você pode arriscar o trânsito e pegar praias e outros programas, mas a noite, a certeza é que para frequentar os consagrados clubs e festas, você não precisará digirir bêbado. As opções de hospedagem em Jurerê Internacional variam entre preços altos e extravagantes e inúmeros tipos de hospedagem. As opções de altíssimo luxo ficam por conta do Il Campanario e xxxxx , xxxxx. Pousadas bacanas como a Pousada dos Chás e xxxxxx. Outra ótima opção e bem mais em conta, é o aluguel de casas ou apartamentos, como o residencial Kindermann e xxxxxxxx.
 
Fora de Jurerê, por toda a Floripa se encontram todos os tipos de hospedagem, das mais baratas e muito longes do sul da Ilha, dos sofisticados hoteis na Lagoa, próximo a restaurantes e agito, até nas praias mais populares como Canasvierias, onde os preços caem também sensívelmente. 
 
Feito o check in no hotel, logo de manhã, estamos livres. Como é primeiro dia e estamos disposto a circular, a primeira idéia que nos vem a cabeça é dar um pulo para almoçar no Restaurante Mar e Massas, no canto da Lagoa, o local, que serve uma das melhores massas do Brasil, é programa obrigatório em Floripa. Comece pela entrada de Polvo e se deleite no spaghetti de frutos do mar (o melhor que já comemos) ou senão 1 talharine aos camarões e azeite trufados, e nem é tão caro assim, aprecie talvez um dos excelentes vinhos brancos da carta e aprecie a simpática vista. A experiência deve continuar.
 
Voltando a Jurerê, o primeiro ponto de parada obrigatório, é o Taiko, o mais famoso beach club local, é o ponto de partida para pegar praia, normalmente, fica utra lotado a partir das 2 da tarde, você até poderia arriscar um sushi ali, mas horas de paciência são demandadas. Tribos de todas as partes se reunem ali para celebrar, envoltos em muita música eletronica, champagne e destilados.
 
Do Taiko, é fácil você caminhar pelas aréias indo conferir o que está acontecendo nas outras "barracas" do mesmo estilo, como o El Divino, com frequência um pouco mais jovem, e o Café de La Musique Praia, da franquia nascida em São Paulo, endereço dos mais endinheirados. E assim passamos a tarde entre um ponto e outro, paqueras, social, sol e ver se visto.
Os locais são caros, mas a praia é sempre de graça. Vai de você mesmo. Nossa recomendação de 1 milhão de dólares é se basear na própria aréia, pedir bebida nas barracas e dali, circular entrando no locais.
 
No final de tarde a temperatura abaixa e o volume das caixas aumentam. Principalmente no Taiko e Café, onde se reune o pessoal mais animado, sunset parties acontece. Em dias especiais, o Café de La Musique promove eventos fechados, tão fortes quanto uma balada, começando em torno das 18:00 até as 23:00 aproximadamente. Os preços são bem salgados, mas vela pela energia. E foi esta nossa opção. Após algumas horas e infinitas vodcas com energéitico depois, estavámos exaustos e voltamos ao nosso hotel. Neste primeiro dia não havia forças para continuar. 
 
Dia 2
 
Como dormiu bem, acorde cedo com o pique de conhecer locais na Ilha que abrem a janela de possiblidades entre 6:00 e 11:00 da manhã, caso não queira passar o dia dentro do carro. Fomos direto as famosíssimas praias de Joaquina, que consagrou Floripa pelas dunas, o sand board e também é point de etapas do circuito mundial de Surfe, e no verão, recanto de farofeiros, de lá seguimos para a Praia Mole, talvez a mais famosa da Ilha, também frequentada por corpos dourados, saradas e surfista. Se curtir a energia e o público, pode matar o seu day beach ali mesmo, curtindo uma cerveja e porções nas barracas e vendo o Brasil inteiro e muita gente bronzeada se esforçando para caminhar, algo que vai entender chegando lá.
 
Se ainda sobrar pique, não custa nada conhecer a praia Brava, reduto de familias e argentinos, e antigo point mais concorrido da cidade. Mas sempre repetimos, vá muito cedo e volte muito cedo para fugir das falanges de turistas e carros. 
 
Depois do passeio, bronze e drinques na praia, você pode optar por comer em um dos inúmeros tradicionais restaurantes da Lagoa da Conceição, dos especializados nas famosas sequencias de camarão, tradicão local e com enfoque em turistas, serve uma série de pratos com o crustáceo no estilo coma tudo o que puder (os mais famosos são o xxxxx e xxxxxx ) ou senão em alguns locais mais rebuscados como o Patagonia o xxxx e o xxxx. 
 
Já é noite e temos que nos preparar. No hotel o desafio agora é descobrir qual a balada principal. As principais baladas de Floripa são em ordem descrescente de preço. Posh, Pacha, as festa
 
 
 
Depoimentos de uma catarinense autêntica!
 

Tatiane Kindermann, nasci em Floripa, designer gráfica e baladeira nata, me aventurei pela arte de fazer festas e promover os melhores eventos da ilha. Hoje trabalho como RP da balada mais exclusiva de Floripa e de um beach club de Jurerê. Adoro receber amigos, conhecer pessoas e mostrar as particularidades do lugar onde nasci, cresci e todo mundo passa férias!

Após me aventurar por 2 anos em São Paulo, voltei a morar em Floripa, na praia de Jurerê.

Lugares no Mundo: Qual a grande novidade de Flo

- A grande novidade de Florianópolis para essa temporada ainda é segredo! É um dos meus novos projetos que em breve vai ser lançado por aqui!

- Tem 3 lugares especiais para se comer durante o dia, frutos do mar que eu amo:

- Cafe Riso Plage, em Jurerê Internacional, salmão acompanhado de batatinhas sotés e um bom vinho rosé, vista maravilhosa da praia, pessoas bonitas e alto astral.

- Ponta das Caranhas, que fica na Barra da Lagoa, também tem um visual incrível, é um ambiente mais família e o prato imperdível é o Peixe a moda da caranha.

- Já no meio termo entre norte e sul da ilha, tem um restaurante simplezinho em Cacupé que serve o melhor rodizio de camarão, chama Zé do Cacupé. Se você der sorte pode encontrar o famoso Zé por lá, que fundou o restaurante e que pode te contar várias lendas da ilha.

Já durante a noite, que tal uma vista da lagoa, num ambiente super aconchegante e se deliciar numa massa? Minha dica é o famoso e tradicional Mar Massas.

- Tomando água de coco na praia e me preparando pra super festa de pré reveillon que vai ter no Stage Music Park.

>

> Pergunta 5:

> Bom, todas as festas de Reveillon vão ser incríveis. Eu diferencio elas da seguinte maneira:

> P12 - lugar lindo, super infra estrutura, porém muito grande e um

> público um pouco mais jovem, acredito que na faixa dos 20 anos (festa

> para umas 5000 pessoas) e line up de Djs nacionais como Gui Boratto,

> China, Rene Mussi e Ale Reis. Convite fem - R$400,00 e masc R$800,00

> (lote atual) Reveillon Boutique - festa bem grande, espera umas 5000 pessoas de todo país, Dj internacional Roger Sanchez. Convite fem R$500,00 e masc R$900,00 (lote atual) Taikô - público um pouco mais velho, reveillon tradicional, foi lá onde Jurerê começou a ferver alguns anos atrás. Festa um pouco menor, para seletas 1000 pessoas, Dj internacional Sharam. Convite fem R$400,00 e masc R$750,00 (lote atual) Cafe de la musique, festa super exclusiva para também no máximo 1000 pessoas, Dj Jack E da Cave de Saint Tropez e o animadíssimo Dj português Pete Tha Zouk. Convite fem R$300,00 e masc R$700,00 (lote atual) Sou suspeita pra falar porque já escolhi meu destino no Reveillon, mas o astral de todas as festas vai ser incrível.

>

> Pergunta 5:

> Alugar um barco e ancorar na Ponta dos Magalhães perto da ilha de Anhatomirim, tomar um vinho, ouvir uma música e curtir o pôr do sol. Mais private e tranquilo impossível!

>

> Quem quiser vir pra Floripa e não errar nas programações, precisar de ajuda para alugar casas, carros, barcos, reservas de convite e camarotes pode entrar em contato comigo, 48 9624-9163 ou por email tatikinder@gmail,com.

Última atualização em 13/10/2012 as 20h44

Lugares no

esportes, praia, noite

Avaliações

Dê a sua opinião.

0 votos

Galerias.

Confira esta seleção de matérias e destinos com imagens incríveis.

Ver todos